Boas práticas a adotar na utilização dos elevadores

A COVID-19 ainda faz parte das nossas vidas, pelo que é muito importante continuar a ter vários cuidados, para travar a propagação do vírus. Neste artigo, olhamos para as recomendações específicas que a Direção-Geral de Saúde (DGS) definiu para a utilização dos elevadores.

A COVID-19 ainda faz parte das nossas vidas, pelo que é muito importante continuar a ter vários cuidados, para travar a propagação do vírus. Neste artigo, olhamos para as recomendações específicas que a Direção-Geral de Saúde (DGS) definiu para a utilização dos elevadores.

Neste âmbito, a primeira recomendação da DGS é: use preferencialmente as escadas e aproveite para fazer exercício físico.

Quando não pode ir de escadas e tem mesmo de utilizar o elevador, é essencial ter cuidados redobrados, para evitar eventuais contágios. A saber:

  • Evite partilhar o elevador com pessoas que não coabitem consigo. É preferível esperar pela próxima viagem e viajar sozinho.
  • Entre e saia devagar, para evitar colisão com os outros utilizadores. Aguarde que as pessoas saiam e entre só depois.
  • Use um lenço para abrir a porta ou para carregar nos botões.
  • Evite encostar-se nas paredes da cabine
  • Respeite a capacidade máxima de lotação e pessoas
  • O elevador não é um lugar de brincadeiras. Oriente as crianças para não carregar nos botões desnecessariamente, não saltar ou fazer movimentos bruscos na cabine, e não colocar as mãos na porta. Evite também que usem o elevador sozinhas.

A estas recomendações específicas juntam-se as recomendações gerais já conhecidas por todos, mas que nunca é demais lembrar:

  • Higienize as mãos com álcool gel, várias vezes ao dia
  • Use máscara de proteção individual
  • Tape o nariz e a boca quando espirra ou tosse, e lave as mãos de seguida pelo menos durante 20 segundos.
  • Em caso de apresentar sintomas coincidentes com os do vírus, como febre, tosse ou dificuldade respiratória, ligue para a Linha SNS 24 com o número 808 24 24 24.